SINDROME DE NÃO AÇÃO

Dando continuidade a exposição anterior, "A Imobilidade Humana", realizada no pavilhão da Bienal no MAC de SP, Chreem se aprofunda na temática e ilustra, através de cenas com bonecos em tamanho natural. Essa exposição aconteceu no Centro Cultural Candido Mendes, em Ipanema, no Rio de Janeiro. Aqui, o conceito psiquiátrico contemporâneo chamado "síndrome de não ação" ilustra a situação onde o indivíduo diante da agressão não consegue reagir. Nem lutar nem fugir, simplesmente o sujeito se submete ao elemento agressor.

Com cerca de 30 peças, a maioria em espuma aerografada com tinta acrílica, e utilizando materiais exóticos como bolas de pingue-pongue, teias de aranha artificial, mãos mecânicas que se movem, olhos que se movem com sensores acústicos, trilha criada pelo artista especialmente para a exposição. Tudo isso criou uma atmosfera, regada a fumaça e iluminação especial. Uma grande sátira social se desprende das peças. A intenção era misturar várias linguagens no espaço da galeria: música, teatro, artes visuais dentro de um conceito psicológico.

 

FOTOS

 

CLIPPING